Radiofrequência

Método não invasivo, que age através do aumento da temperatura no tecido subcutâneo, induzindo a produção de novas fibras de colágeno melhorando o aspecto da pele. Durante a sessão, a temperatura é medida várias vezes para garantir que ela em torno de 40ºC e não ultrapasse esse número. Pode ser utilizada em todas as regiões do corpo.

Indicações:

- celulite,

- flacidez tissular,

- gordura localizada

- linhas de expressão

 

Na celulite:

A radiofrequência atua no processo inflamatório causado pela celulite no tecido adiposo. Com a melhora da gordura localizada, um dos pilares para a formação da celulite, acontecerá a melhora do aspecto da celulite.

Na gordura localizada:

O calor profundo, proporcionado pela radiofrequência, atua na célula de gordura, melhorando seu metabolismo, aumentando a oferta e a difusão de nutrientes, diminuindo o estoque de energia (triglicerídeos) e contribuindo para a redução de seu volume.

Na flacidez:
O aparelho de radiofrequência aquece o tecido, ocorrendo um aumento da temperatura acima do normal, que gera a contração imediata do colágeno e remodelação da fibra de colágeno e elastina já existentes.